O que esperar de 2016?

Ainda que no Brasil ainda estejamos distantes da concretização do ideal democrático de “governo do povo, para o povo e pelo povo”, não há como negar que vivemos um período de efervescência democrática. Em 2014 tivemos a eleição presidencial mais disputada da história. Hoje sabemos que a vitória de Dilma Rousseff foi obtida mediante clara […]

Leia mais

Fachin, não!

  Hoje, 19 de maio, o Senado vota a indicação do jurista Luiz Edson Fachin ao STF. Não sei se será aprovada, mas o fato de ela ter chegado tão longe é realmente preocupante. Demonstra que, apesar dos seus 13% de aprovação, a Presidente ainda não entendeu o recado das ruas e tenta, em mais […]

Leia mais

A Tragédia (anunciada) Grega

A Grécia terminou 2014 em maus lençóis. Sua dívida pública corresponde atualmente a quase o dobro de seu PIB, o crescimento de sua economia foi negativo em 2013 e baixíssimo em 2014 (0,6% – sim, ainda assim maior do que o crescimento da economia brasileira). E a coisa tende a ficar pior. Tudo isso porque […]

Leia mais

Não negociamos com terroristas

Após o bárbaro atentado à redação do periódico satírico Charlie Hebdo, o mundo ocidental se uniu em defesa da liberdade de expressão – um dos seus mais caros pilares civilizacionais. Ainda assim, pudemos observar a leniência e quase compaixão (com os terroristas, claro) com que alguns ditos “intelectuais” reagiram a esse ataque absurdo à humanidade e à liberdade. […]

Leia mais

Caridade com chapéu alheio

A presidente Dilma Rousseff sancionou, no dia 13, a Lei 13.087, que concede pensão vitalícia a Laís Souza, ex-ginasta que ficou tetraplégica ao treinar nos Estados Unidos para uma competição de esqui. A jovem Laís era um ex-talento da ginástica artística que buscava inserção em uma outra modalidade esportiva, o esqui aéreo. Neste, que é […]

Leia mais

Dez dicas simples para fazer de 2015 um ano de mais liberdade

  Recebo diariamente mensagens de pessoas interessadas nas ideias liberais e com interesse em fazer mais pela sua promoção e divulgação no Brasil. Não existe uma resposta pronta para essa pergunta, pois cada indivíduo é um universo em si mesmo, dotado de preferências, ambições e aptidões. Em outras palavras, as pessoas são diferentes e buscam […]

Leia mais

O PT e os desafios para a oposição

Em 1947, em discurso na câmara baixa do parlamento britânico, o ex-primeiro-ministro e então líder da oposição Winston Churchill proferiu a célebre frase: “A democracia é a pior forma de governo, excetuadas todas as outras que já foram tentadas”. Passados quase 70 anos, a máxima churchilliana parece ainda se aplicar. Apesar de todas as suas […]

Leia mais

Precisamos falar sobre a privatização da Petrobras

“O petróleo é nosso!” foi o lema de uma campanha que culminou com a criação da Petrobras, em 1953. Como toda empresa estatal, a Petrobras foi criada para servir ao “bem comum”, ao povo, às demandas sociais e às necessidades de investimento de um país ainda arcaico. Costuma-se dizer que o melhor negócio do mundo […]

Leia mais

O salário mínimo não ajuda os mais pobres

Com certa regularidade sazonal, vem à tona o debate acerca do valor do “salário mínimo”. Na busca do valor considerado como ideal, oposição e governo digladiam-se com argumentos a favor e contra um aumento mais generoso, respectivamente. Independente do partido, quem está no governo tende a ser mais conservador, temendo o impacto previdenciário de um […]

Leia mais

O abismo e a democracia

Apesar de todas as suas imperfeições, a democracia – regime de governo baseado na escolha de representantes políticos por meio de eleições periódicas – é a melhor opção disponível no mercado. Seus grandes trunfos em relação às alternativas são permitir que os anseios de diversos estratos da sociedade encontrem eco na representação política e possibilitar, […]

Leia mais

Sobre democracia, eleições, manifestações e intervenções

Diz-se da democracia como sendo “a pior forma de governo… excetuadas todas as outras formas existentes”. Ou seja, apesar de suas imperfeições, a forma de governo baseada na escolha de representantes políticos por meio de eleições periódicas é a melhor opção disponível no mercado. Seu grande trunfo em relação às alternativas está na relativa facilidade […]

Leia mais

Não culpem o nordeste

Na noite de domingo, 26 de outubro, Dilma Rousseff foi reeleita Presidente do Brasil. Uma tragédia para qualquer pessoa que defenda as ideias liberais e aspire a viver em um país mais livre e justo. A Presidente foi eleita com 51,64% dos votos válidos, a margem mais apertada da história eleitoral do Brasil. Dos 54.501.118 […]

Leia mais

As baixarias eleitorais do PT fazem mal ao Brasil

A democracia brasileira é jovem. Nossa redemocratização ocorreu na década de 80, e nossa primeira eleição direta para presidente em 89. Às vésperas da nossa sétima eleição presidencial consecutiva (algo absolutamente inédito na história do Brasil), as perspectivas são preocupantes. A divisão política e a polarização da opinião pública brasileira nessas eleições têm passado do […]

Leia mais

Reflexões sobre o voto consciente

  Muito se fala, em especial em período eleitoral como o que hoje vivemos, a respeito da necessidade de se votar de forma consciente.  O tal “voto consciente” seria o elemento chave de uma democracia, e, no caso do Brasil, o instrumento redentor de nosso combalido e desacreditado sistema político. Se ao menos o eleitor […]

Leia mais

Afinal, quem cria empregos?

Uma rotina sempre presente em campanhas e debates eleitorais é a competição entre os candidatos a respeito de “quem criou mais empregos”. A presidente Dilma tem afirmado que criou mais de 5 milhões de empregos em seu governo – mais do que seus antecessores tucanos. Será? Bem, lamento informar, mas Sua Excelência não criou emprego […]

Leia mais

O governo faz mal à economia

  Causou grande polêmica recentemente um informe do Banco Santander enviado a seus clientes. O governo, o PT e a presidente-candidata não gostaram nem um pouco da análise nele veiculada, mas o fato é que ele trouxe uma versão resumida de fatos concretos e objetivos da realidade brasileira que hoje influenciam as flutuações do mercado. […]

Leia mais

O Santander e o caminho da servidão

  Causou polêmica um comunicado recente do banco Santander a um grupo seleto de clientes com perfil de investidor. Nele, o banco trazia uma breve análise do cenário da economia brasileira e perspectivas, sugerindo aconselhamento de investimentos diante do cenário traçado. O governo, o PT e a presidente-candidata não gostaram nem um pouco da análise. […]

Leia mais

Voto Consciente e o Papel da Política em Nossas Vidas

  Muito se fala, em especial em período eleitoral como o que hoje vivemos, a respeito da necessidade de se votar de forma consciente.  O tal “voto consciente” seria o elemento chave de uma democracia, e, no caso do Brasil, o instrumento redentor de nosso combalido e desacreditado sistema político. Se o eleitor votar de […]

Leia mais

Para além de Direita e Esquerda

  Para Aécio Neves, Lula é de Direita e FHC de Esquerda. Para o PSOL, PSTU, PCO, todos eles seriam pertencentes à Direita. Para o editor de uma revista semanal conhecida por ser, digamos, simpática ao governo petista, Joseph Stalin (ele mesmo) era de Direita. Mas para a imensa maioria da imprensa, da Academia e […]

Leia mais

Liberdade e democracia: aliados ou inimigos?

  Em especial nos períodos pós-eleitorais, é bastante comum lermos e ouvirmos reclamações diversas sobre “como as pessoas não sabem votar e sobre como a Democracia é um regime imperfeito e cheio de problemas”. Tais lamentos expressam a sensação de ineficácia política que acomete a maioria da população brasileira. É importante pontuarmos preliminarmente que boa […]

Leia mais

Brasil e Capitalismo: conhecidos ‘de vista’

No Brasil e em boa parte do mundo, a imagem daquilo que se supõe ser o sistema capitalista não é das melhores. A despeito da tragédia absoluta das experiências socialistas mundo afora, ainda vaga de nariz empinado a ideia de que mesmo o socialismo seria melhor do que “isso tudo que está aí”. Da miséria […]

Leia mais

Mais liberdade, Menos política

A grande maioria das pessoas aprende desde cedo a viver sob valores como o respeito à liberdade, à paz e à propriedade alheia. São educadas desde a primeira infância a seguirem os pilares da ética liberal. Desde a mais tenra idade aprendemos que “é feio” bater em nossos coleguinhas, pegar para si aquilo que não […]

Leia mais

O que o Chile pode ensinar ao Brasil?

Se no futebol o Chile (eliminado pela Seleção nas oitavas de final da Copa) ainda tem muito a aprender com o Brasil, fora dele a situação é diferente. Em termos de desenvolvimento econômico, político e social, nossos vizinhos andinos têm lições importantes a nos ensinar.Com território pouco maior do que o de Minas Gerais e […]

Leia mais

O problema é a pobreza, não a desigualdade

  Somos quase que diariamente bombardeados com notícias e textos declarando a desigualdade social como o grande problema do Brasil e do mundo (até o Papa entrou na onda!). Causa certa estranheza, no entanto, que seja a desigualdade, e não a pobreza em si, o que incomoda tanto a tantos. Reina absoluto em parte importante da opinião pública uma […]

Leia mais

Afinal, por que há tanta corrupção no Brasil?

Entram governos, saem governos, e uma variável insiste em persistir no cenário político brasileiro: a corrupção. A impressionante recorrência de escândalos envolvendo malversação de recursos públicos leva à questão: por que há tanta corrupção no Brasil?Há, na certa, muitos fatores. Mas é importante entender, em primeiro lugar, que o brasileiro não nasce corrupto. A corrupção […]

Leia mais

Lucros privados, prejuízos públicos

Discute-se atualmente a criação de um regime especial de dispensa parcial temporária de trabalhadores da indústria automobilística. Dada a volatilidade do setor (qual setor não é volátil?), as montadoras ligadas à Anfavea querem que o governo lhes garanta uma espécie de seguro, subsidiando parte do salário dos trabalhadores em períodos de vacas magras por meio de […]

Leia mais

Textos Para Entender O Golpe De 64

  O tema é extremamente carregado de paixões e revanchismos (de todos os lados). No entanto, em razão da passagem dos 50 anos do Golpe,  surgiram nos últimos dias alguns textos bastante interessantes que podem auxiliar o leitor a melhor compreender o fato e o próprio Regime Militar:   “1964: golpe ou revolução?”, Laurentino Gomes “Regime […]

Leia mais