O dia em que sofri extorsão oficializada

Por volta de 1982, quando eu ainda estava ativo no mercado financeiro, constituí uma empresa de Factoring Comercial e a registrei na Junta Comercial do Rio de Janeiro. O fato essencial é que a dita sociedade nunca funcionou ou foi ativa, não teve, jamais, qualquer receita, ou sequer emitiu uma única nota fiscal. A partir […]

Leia mais

Corrupção no Brasil: um pódio deplorável

Para usar um velho chavão: mais uma vez o mundo se curva ante o Brasil. Atingimos nova liderança internacional. Nosso país chegou ao comando do campeonato mundial de corrupção. E por falar em campeões, os ditos nacionais, designados nos governos lulopetistas, encontram-se todos enredados em desastres econômicos ou casos escabrosos. Oi, Odebrecht, OAS, JBS, Eike […]

Leia mais

Desafio aos socialistas

Este texto é um repto aos socialistas de todos os matizes e colorações, do rosa claro ao vermelho mais tinto. É dirigido àqueles que se opõe ao sistema econômico de liberdade de mercado, que seu maior adversário histórico, Karl Marx, alcunhou de Capitalismo. Nunca no transcorrer da humanidade houve tanto progresso material e científico quanto […]

Leia mais

A esperança liberal de Roberto Campos

Estive com ele, pessoalmente, apenas uma vez. Não o conhecia de modo formal, nem nunca usufrui de sua companhia, que se dizia deliciosa. Mas sempre fui apreciador, entusiasmado, da lucidez fantástica do raciocínio, da lógica cortante dos argumentos, da ironia ácida e da clareza transparente da exposição. Lembro-me de dois episódios notáveis. Um debate televisivo, […]

Leia mais

Reflexões sobre o avanço evangélico

O Rio de Janeiro está em vias de eleger um prefeito evangélico. Não apenas adepto, mas prócer licenciado de uma das mais agressivas entidades do ramo: A Igreja Universal do Reino de Deus (IURD), do notório bispo Edir Macedo, de quem o candidato é sobrinho. Em 1986 essa denominação religiosa elegeu, com 55000 votos cada […]

Leia mais

Desafio aos socialistas

Este breve artigo constitui uma provocação aos coletivistas de todos os matizes e latitudes. Trata-se de busca que, há anos, tento fazer sobre eventuais vantagens para a humanidade da existência de ambientes socialistas. Desde a Revolução Industrial o progresso material das sociedades ocidentais é um dado inegável e jamais contestado. Surgiram grandes conquistas a partir […]

Leia mais

A Implosão da Mentira

O título acima é de um poema de Affonso Romano de Sant’Anna (foto). Foi publicado, em página inteira, no Caderno B do Jornal do Brasil em sete de julho de 1981. Era, visivelmente, uma crítica ácida aos condutores da economia brasileira no período final, e já decadente, do regime militar. Mostrava como os corifeus civis […]

Leia mais

Quem combate as privatizações

A eventual privatização de empresas e serviços governamentais encontra sempre uma barulhenta oposição de alguns grupelhos que defendem a manutenção de tais atividades em mãos do Estado. Desde o início do processo, na década de 1990, os inimigos da desestatização são em essência os mesmos, apenas sucedidos, naturalmente, por novas gerações de herdeiros de cada […]

Leia mais

Por que o Banco central deve ser independente?

O tema da independência do Banco Central entrou na pauta das eleições de 2014. É fundamental esclarecer alguns argumentos a favor de tal tese, de modo a que o debate assuma um mínimo de racionalidade. A sociedade brasileira não se dá conta da transcendental importância da autonomia do Banco Central. Cogita-se, normalmente, que esse órgão […]

Leia mais

Ronald Biggs e Pasadena

O famoso Ronald Biggs, que se celebrizou pelo assalto ao trem postal Glasgow – Londres em 1963 na Inglaterra, e depois passou longos anos no Brasil, era um fichinha. O golpe rendeu à época 2,6 milhões de libras algo que, mesmo corrigido, não passa a valores de hoje de 20 milhões de reais. Bem mais […]

Leia mais

Governo de Falsários

A patética falsificação do passaporte e demais documentos de Henrique Pizzolato é (apenas) novo capítulo de uma longa saga. Pizzolato, petista de carteirinha, foi diretor do Banco do Brasil e da Previ, maior investidor institucional do país. Mas não está só em usar esse artifício sórdido. Forjar documentos e circunstâncias é método de ação constante […]

Leia mais

A maior das cleptocracias

Pode ser que o Brasil não esteja na rabeira, entre os países pior classificados nos índices de corrupção internacionais. Talvez ganhe um prêmio de consolação, comparado a alguns colegas africanos. Mas a sensação térmica interna é de permanente, continuada e intensa elevação da temperatura do tema. Corrupção é doença social característica do estado e de […]

Leia mais