Frases do dia

Democracia e socialismo não têm nada em comum, exceto uma palavra: igualdade. Mas observe a diferença: enquanto a democracia procura a igualdade na liberdade, socialismo procura a igualdade na restrição e na servidão.  Alexis de Tocqueville

Gostou do texto? Ajude o Instituto Liberal no Patreon!

Comentários

  1. Infelizmente democracia e liberdade também nada têem em comum.
    O habito de confundir Liberdade com democracia tem sido a mais mortal das armas contra a Liberdade.

    Democracia é apenas um critério para eleição de ditadores, nada além disso.
    Ou seja, relembrando Étienne de La Boétie, troca-se um tirano por vários. Se antes se teria que sujeitar às manias e sanha de um, com a democracia a população é sujeitada às manias e ambições de muitos que se unem em conluios para se manterem exercendo o Poder numa fraternidade macabra.

    Muito do que em décadas passadas era dito ditadura, atualmente tornou-se democrático segundo deliberação dos eleitos democraticamente.

    O TRE estabelece o que se pode e não pode falar nas propagandas eleitorais, também pune com cancelamento de propaganda aqueles que magoam seus concorrentes (tapa-lhes a boca), cerceiam propagandas e etc.. Também há periodo reduzido para propaganda política autorizada, fazendo com que pouco se possa debater com a população e sobretudo com que aqueles partidos com maiores recursos simplesmente consigam se fazer mais visíveis e assim ter sucesso em sua propaganda efetivamente imbecilizante.

    Não há como produzir debates/discussões sobre as questões em exiguo espaço de tempo. Fora isso é o próprio Estado que cria regras para a criação de partidos, facilitando para os já estabelecidos se multiplicarem e ao mesmo tempo impedir o surgimento de partidos com ideias novas. Ou seja, nessa democracia o Estado controla democraticamente as eleições. Vai daí que não há candidatos liberais e muito menos partidos.
    Ora, o Estado não tinha que sustentar partidos e nem mesmo regular e controlar candidatos e a propaganda eleitoral.
    Nessa democracia o Estado manipula partidos, candidatos e eleições, além das verbas, tudo muito democraticamente. Um candidato eleito com 4 vezes o numero de votos de outro tem seu voto com o mesmo pesso do outro no congresso. …isso nem mesmo é a vontade da maioria, que dirá liberdade.