Home

Entre Kogos e Rochamonte

É com grande satisfação que vejo o movimento liberal-libertário brasileiro conseguindo não apenas levar ao público as ideias de intelectuais consagrados como Hayek, Mises, Bastiat, Friedman, Hoppe, Rothbard e Ayn Rand mas também criar ambiente e plataformas para que novos autores, pensadores e articulistas surjam e se manifestem. E esses novos são muitos! Novos também em idade, a maioria recém saídos da fac ...

Ler mais

Por que odeiam tanto a meritocracia no Brasil?

por JEFFERSON VIANA* “A grandeza não consiste em receber honras, mas em merecê-las” – Aristóteles Meritocracia. Palavra vinda do latim meritum e do sufixo grego κρατία (-cracía) e significa poder do mérito, é uma forma de premiar-se o mérito, como uma aptidão e o motivo principal para atingir o sucesso. Mas no ambiente acadêmico e escolar no Brasil, essa forma de pensar é combatida com unhas e dentes por pr ...

Ler mais

Frase do dia

"Sejamos claros sobre o completo significado dessas duas ideologias opostas. O sistema liberal democrático torna o estado o servo do homem; o sistema socialista faz o homem servo do estado. Um preserva a liberdade e a ação independente dos indivíduos; o outro a aniquila. Num, o homem é livre; no outro, ele é um prisioneiro do regime. Essas ideologias são irreconciliáveis. Um prisioneiro não tem liberdade, a ...

Ler mais

Resposta a um leitor.  Ou: Por que o capitalismo liberal é o melhor modelo

Recebi ontem a seguinte mensagem do leitor Alex, preocupado com as más influências sobre sua filha, atualmente cursando a faculdade: “Eu tenho uma filha de 20 anos, ela esta fazendo química na UFESP, tenho procurado mostrar a ela os valores das ideias liberais, mas sinto que tenho perdido essa batalha, acho que ela tem sido bombardeada por ideias socialistas e acho que tem sido ou da faculdade ou de alguns ...

Ler mais

R$ 69,99 bilhões ainda é muito pouco

Semana passada, o governo anunciou um corte de R$69,99 bilhões nos gastos públicos. Tal corte foi considerado o maior da história do país e gerou críticas por parte de inúmeros setores da população, dado que os ministérios da Saúde, Educação e das Cidades foram bastante afetados. Essa economia de quase R$70 bilhões é corresponde a 1,27% do PIB do ano passado, mas será que esse número ainda é suficiente? Con ...

Ler mais

A Suécia é um modelo para o Brasil?

Quando nós, brasileiros, lemos ou ouvimos falar alguma coisa sobre o Estado de Bem Estar Social escandinavo, e principalmente sobre o modelo sueco, costumamos ficar com uma certa inveja. Imagine viver em um país onde a educação, da pré-escola à pós-graduação, é totalmente gratuita e de altíssima qualidade. Imagine um país em que você não tem de pagar um plano de saúde particular para ter acesso a um serviço ...

Ler mais

John Nash, o dilema do prisioneiro e a impossibilidade do surgimento de cartéis no livre-mercado

por LUCIANO ROLIM* Neste sábado, faleceu o grande matemático John Nash, que além de ter sido ganhador do prêmio Nobel de economia e ter feito importantíssimas contribuições para a matemática, também teve sua história de vida retratada no filme Uma Mente Brilhante. Nash, que assumiu ter sido influenciado pelas ideias da Escola Austríaca, ganhou reconhecimento principalmente pela sua contribuição à Teoria dos ...

Ler mais

Frase do dia

"Meu avô me disse uma vez que existem dois tipos de pessoas: aqueles que trabalham e aqueles que ficam com o crédito. Ele me disse para tentar ficar no primeiro grupo; há menos concorrência lá." Indira Gandhi ...

Ler mais

Imposto Burro

  “’Parsimony, and not industry, is the immediate cause of the increase of capital. Industry, indeed, provides the subject which parsimony accumulates. But whatever industry might acquire, if parsimony did not save and store up, the capital would never be the greater.” Adam Smith Leio na Folha de São Paulo que os demagogos petistas pretendem desengavetar o controverso projeto que cria o Imposto sobre G ...

Ler mais

“Hayek no Brasil” – Um documento histórico

Entre as riquezas na galeria do Instituto Liberal-RJ, pioneiro no Brasil em defesa dos princípios da ordem liberal, está um interessantíssimo documento histórico organizado por Cândido Mendes Prunes, com lançamento em 2006: o livro Hayek no Brasil. Para quem não sabe, a convite do empresário paulista Henry Maksoud, francamente simpático ao liberalismo econômico, o Prêmio Nobel de Economia de 1974, Friedrich ...

Ler mais

O petismo é uma doença?

A questão vem me atormentando há algum tempo. Acho suas propostas tão descabidas e seus projetos tão próximos à mediocridade ou à impossibilidade prática que ainda hoje não consegui dar definição ao meu dilema. Obviamente, a questão não se refere a pessoas que sofreram discriminações de qualquer natureza em função de discrepâncias familiares que lhes trouxeram prejuízo, especialmente intelectual. Refiro-me ...

Ler mais

Capitalismo e “crime econômico”

Além de culpar o Capitalismo por uma série de problemas que na realidade são causados por sua ausência, fantasmas usados para tentar provar que a liberdade “não dá certo”, o anti-capitalista também acusa o Capitalismo de promover coisas que de fato são crimes. O esquerdista afirma que no Capitalismo quem é rico pode tudo. Mas Capitalismo existe quando o governo garante a defesa da vida, propriedade e liberd ...

Ler mais

Sociologia e Filosofia no Ensino Médio ou Manual do revolucionário e conversa de mesa de bar

Temos insistido, em alguns de nossos artigos, na abordagem de um problema grave do nosso país: a educação. A educação dos jovens de Ensino Médio é de má-qualidade. Se fosse apenas isso, seria menos grave. O problema é que, além de ruim, ela é perversa, ou seja, não se limita a deixar uma enorme lacuna intelectual e cultural nos adolescentes, mas tenta insistentemente preencher essa lacuna com doutrinação. A ...

Ler mais

Frase do dia

"Princípio ético coletivista: o homem não é um fim em si mesmo, mas apenas uma ferramenta para servir os fins dos outros. Se esses 'outros' são uma gangue ditatorial, uma nação, a sociedade, a raça, um Deus, a maioria, a Comunidade, a tribo, etc, é irrelevante - o ponto é que o homem, por princípio, deve ser sacrificado em benefício de outros."  Mark Da Cunha ...

Ler mais

Por que eu não aplaudo as capas do Extra

Definitivamente, os diferentes setores das Humanidades, desde a Pedagogia, com seus “paulofreirismos” crônicos, até a Comunicação e o Jornalismo, estão infestados pelos ditames do politicamente correto e, principalmente, do quimérico “pensamento crítico”. Esse tal de pensamento crítico, a noção de que devemos desconstruir filosoficamente o que nos cerca, refletir criticamente sobre a realidade social, pode ...

Ler mais

Complexidade e imprevisibilidade: os vetores da conjuntura

por DR.PAULO MOURA* O início do segundo mandato da presidente Dilma foi marcado por uma mudança qualitativa da conjuntura, cujo marco central é perda de popularidade e de apoio político do governo. Sob circunstâncias normais o protagonismo do jogo político costuma ser, sempre, do governo. O Executivo, quando sustentado por maioria no parlamento, é quem pauta o Legislativo e a sociedade com suas iniciativas ...

Ler mais

Mitra-Varuna: O mito do rei e do juiz

Se a esquerda política parece desvencilhada de seu passado marxista, sua insistência em uma teoria que acredita em “classes sociais”, tão bem aceita que se confunde com uma verdade incontestável da análise social, continua sendo correligionária das velhas doutrinas do chamado “pensamento classista” e do materialismo histórico-dialético. A crença é a de que existem classes sociais (taxonomia mais estanque do ...

Ler mais

Crise das universidades: critiquem a causa, não o efeito

por JEFFERSON VIANNA* Vivemos atualmente no nosso país um verdadeiro caos na rede universitária, tanto nas universidades federais quanto nas universidades estaduais, e também em algumas da rede particular. Falta de recursos, falta de gestão, ódio à iniciativa privada, desvio de recursos, falta de autonomia de captação de verbas e a falta de verbas. Nos últimos anos, o governo federal gastou o dinheiro do pa ...

Ler mais

Por que o governo não pode abrir os contratos do BNDES

Dilma acaba de vetar a a quebra de sigilo dos contratos do BNDES.  Alega que os direitos constitucionais dos tomadores precisam ser protegidos.  Balela!  Como estamos falando de verbas públicas, deve-se evocar o princípio maior da publicidade dos atos administrativos. Apesar disso, não sou daqueles que acham que a quebra de sigilo dos contratos abriria a "caixa-preta" do BNDES, até porque falcatruas, jogos ...

Ler mais

Jandira Feghali e o nojo de pobre

Qual pequeno empresário dono, por exemplo, de um pequeno restaurante, tiraria do caixa 2,5 mil dólares para uma passagem na classe executiva sendo que poderia pagar 1/3 desse valor na classe econômica? Nenhum. Nenhum porque todo pequeno empresário sabe o valor do dinheiro, sabe os sacrifícios que precisa fazer para conseguir algum luxo; e viajar de classe executiva é um luxo acessível apenas aos maiores emp ...

Ler mais

Dando boot

por MARIANO ANDRADE Burocracia paralisante, impostos acintosos, cidades atoladas em problemas de trânsito, violência assustadora – tudo levando a uma economia em crise e a uma crescente desesperança. O Brasil tem funcionado como um computador claudicante, lento e pouco confiável – um computador que precisa de um “boot”. Os boots não só são importantes, mas também possíveis e a História mostra que as socieda ...

Ler mais

Ensino na UFRJ

A UFRJ tem a fama de ser uma escola de primeiro nível. Certamente é isto que estimula o grande número de candidatos originários de outros estados. Ocorre que o projeto universitário é um projeto de formação de profissionais em diferentes áreas do conhecimento e não, uma entidade assistencialista. Ela, universidade, deve prover conhecimento especializado a seus cursandos e não, necessariamente, abrigá-los e ...

Ler mais

O aparelhamento do movimento estudantil. O que faremos?

O panorama não é novo, tampouco desconhecido: a política estudantil é dominada por diferentes tons de esquerda, útil para alunos se promoverem politicamente e para partidos políticos financiarem grupos para fomentarem suas ideologias nos eventos promovidos por Centros Acadêmicos e Diretórios Centrais de Estudantes. Nesse sentido, o tripé acadêmico - basilado pelo ensino, pesquisa e extensão - acaba sendo mi ...

Ler mais

Estamos ficando mais pobres?

Com preços em elevação, assim como a quantidade crescente de contas e impostos a pagar, os brasileiros vêm se sentindo com cada vez menos dinheiro para custear suas despesas rotineiras. Tal fato é evidente quando analisamos alguns últimos dados. O índice de confiança do consumidor mede as expectativas dos brasileiros em relação à situação geral do país, bem como em relação às condições presentes e futuras d ...

Ler mais

Nem polícia, nem justiça: quem solta o bandido é o sistema

O Rio de Janeiro se encontrou novamente em debate sobre o problema da segurança pública, muito em virtude da recente morte de um médico ocorrida na Lagoa, bem como as mortes resultantes da invasão de um grupo de traficantes ao Morro de São Carlos, na área central do Rio de Janeiro, quase em frente à sede da Prefeitura Municipal. O destaque fica por conta do bate-boca promovido, ainda que involuntariamente, ...

Ler mais

Frase do dia

"Quando o saque torna-se um modo de vida para um grupo de homens, eles criam para si próprios, no decorrer do tempo, um sistema jurídico que o autoriza e um código moral que o glorifica". Frederic Bastiat ...

Ler mais

O alto preço da incompetência

A década de 1950 foi um período particularmente interessante da história brasileira, que até hoje costuma ser lembrado com uma certa nostalgia, como uma espécie de “era de ouro” tropical. Além da figura simpática e carismática do presidente Juscelino Kubitschek, havia também uma certa percepção social de que o Brasil vivenciava um ciclo da mudanças. Aquele Brasil agrário, dos coronéis que mandavam e do povo ...

Ler mais

O que os olhos não vêem o coração não sente.  Ou: ilusionismo tributário

"A felicidade é a posse perpétua da condição de estar bem enganado, o estado pacífico e sereno de ser um tolo entre canalhas".  Jonathan Swift   Em seu magistral Law, Legislation and Liberty, Hayek sugere que as modernas técnicas de tributação foram moldadas através do tempo de forma a extrair dos pagadores de impostos o máximo possível e, ao mesmo tempo, provocar o mínimo de resistência e/ou ressentim ...

Ler mais

© 1983 - 2014 - Instituto Liberal - Todos dos direitos reservados.

Voltar para o topo