Privatização da Petrobras, mitos e verdades

petrobrax.jpgEntra ano, sai ano, continuamos rotineiramente a vivenciar escândalos na Petrobras, instituição pública (ainda que organizada como empresa) que nos permite, supostamente, declarar que “o petróleo é nosso”, mesmo que tenhamos de pagar R$ 3,50 o litro para que o petróleo seja efetivamente incorporado à nossa propriedade – ao contrário dos EUA, onde o petróleo, explorado apenas por empresas privadas, se torna do cidadão americano por honestos R$ 1,40 o litro (mesmo no alto patamar do dólar a R$ 2,80).

O que está impedindo a sociedade brasileira de privatizar a Petrobras, abrir o mercado do petróleo e, através da livre concorrência no setor, equiparar o preço do petróleo nacional ao estrangeiro, que se encontra em baixa histórica? Podemos pensar em alguns equívocos arraigados no inconsciente coletivo nacional.

Leia também:  O Brasil é um país de direita? Infelizmente as coisas não são bem assim

Para ler o resto do artigo, acesse o link original do jornal Gazeta do Povo, aqui.

Ajude o Instituto Liberal no Patreon!
Bernardo Santoro

Bernardo Santoro

Mestre em Teoria e Filosofia do Direito (UERJ), Mestrando em Economia (Universidad Francisco Marroquín) e Pós-Graduado em Economia (UERJ). Professor de Economia Política das Faculdades de Direito da UERJ e da UFRJ. Advogado e Diretor-Executivo do Instituto Liberal.