O mais recente B.B.B.

 ARTHUR CHAGAS DINIZ*

A abertura de uma CPI – Comissão Parlamentar de Inquérito – Mista, isto é, envolvendo deputados e senadores, se antecipa como o mais novo BBB – para os que não sabem, o Big Brother Brasil. O programa, com excelentes índices de audiência, desde a primeira edição difunde dois conceitos: o primeiro, o de que todo mundo tem uma curiosidade insatisfeita pela vida dos outros; o segundo, o de que se trata de jogo onde todos são contra todos.

Assim me parece ser esta nova CPI que deveria, por gosto do Governo, limitar-se a apurar as trapalhadas éticas do outrora ilibado Demóstenes Torres, senador pelo DEM e autêntico acusador das trapalhadas financeiras (malfeitos ou corrupção) ocorridas no seio do Governo.

Por iniciativa de Lulla – em busca de um revide para o Mensalão -, o PT lançou-se em busca de uma reparação moral que seria a de igualar os malfeitos de seu primeiro governo com os praticados por seus opositores e denunciantes. Eis que, logo depois de confirmadas as ligações entre Demóstenes e Cachoeira, apareceram no radar as relações do bicheiro com o governador de Goiás – o até então ínclito Marconi Perillo (PSDB). Mas Lulla calculou mal e, simultaneamente às denúncias sobre o governador, apareceram a Delta Construtora, de Fernando Cavendish – amigo do “banqueiro” e principal empreiteiro do PAC (filho dileto de Lulla) – e o Sérgio Cabral, governador do estado onde a empreiteira ganha todas as concorrências, com o aparente apoio de Cabral, amigo íntimo do empreiteiro.

Assim, a CPI, desejada pela base aliada, virou terreno minado e tem todas as chances de se transformar no mais novo sucesso de audiência na TV brasileira.

.

* PRESIDENTE DO INSTITUTO LIBERAL

Instituto Liberal

Instituto Liberal

O Instituto Liberal é uma instituição sem fins lucrativos voltada para a pesquisa, produção e divulgação de idéias, teorias e conceitos que revelam as vantagens de uma sociedade organizada com base em uma ordem liberal.