O dia do Saci


ARTHUR CHAGAS DINIZ*

O volume de malfeitos (como Dilma chama a corrupção) encontrada no Ministério do Esporte acabou por demitir o ministro Orlando Silva. Que ninguém se engane: nenhum corrupto vai devolver o fruto do malfeito. Dentro do atual modelo de loteamento das atividades do governo, os comunistas indicaram seu substituto.

O deputado Aldo Rebelo, famoso por sua obsolescência prematura, já tem dois projetos de lei, não aprovados por seus pares, ambos igualmente inaceitáveis, impróprios e absurdos.

Ele sugeriu, para substituir o Halloween – o dia das bruxas -, a criação do dia do Saci, uma das lendas do folclore brasileiro. Depois apresentou projeto de lei restritivo ao uso de nomes estrangeiros na fachada de lojas e na nomeação de produtos. As ideias do comunista Rebelo não são apenas absurdas, mas, antes de tudo, infantis.

Leia também:  O rompimento de uma barragem: leniência e impunidade do estado brasileiro

Agora, nomeado Ministro do Esporte, o nosso ministro Saci já lançou a pedra fundamental de um arsenal de bobagens. Nada é mais impróprio para comandar a política esportiva brasileira do que colocá-lo como “árbitro brasileiro” em questões que envolvem outros países, como é o caso da Copa do Mundo (2014) e da Olimpíada (2016).

Suas primeiras sugestões relativamente à venda de ingressos foi a de propor cotas para índios e o pessoal do Bolsa Família. Obviamente, nenhuma redução no valor dos ingressos seria suficiente para substituir os custos de transporte e estada, tanto para os indígenas quanto para os indigentes.

Leia também:  EVENTO - Prismas da Liberdade

Dilma, que insiste na meia entrada para estudantes e velhos, parece desconhecer que Lulla, quando pleiteou a Copa do Mundo para o Brasil, sabia que ela, Copa, é um evento da FIFA. Colocar o velho comunista em uma posição chave é, antes de tudo, um malfeito.

*PRESIDENTE DO INSTITUTO LIBERAL

 

Este artigo integra a  Série PONTO DE VISTA, do site do IL.  As opiniões aqui emitidas são de responsabilidade exclusiva do signatário, não correspondendo, necessariamente, ao ponto de vista do Instituto Liberal.

O conteúdo do artigo pode ser reproduzido uma vez citada a fonte.

Leia também:  PEC do Orçamento: uma revolução gloriosa? (segunda parte)

Instituto Liberal

www.institutoliberal.org.br

REF. IMAGEM: Wikipédia

Ajude o Instituto Liberal no Patreon!
Instituto Liberal

Instituto Liberal

O Instituto Liberal é uma instituição sem fins lucrativos voltada para a pesquisa, produção e divulgação de idéias, teorias e conceitos que revelam as vantagens de uma sociedade organizada com base em uma ordem liberal.