A importância da Leitura

MARIO VARGAS LLOSA* Ao ser agraciado pela Academia Sueca de Ciências com o Prêmio Nobel de Literatura no último dia 07 de outubro, o escritor Mario Vargas Llosa destacou a importância do hábito de ler para uma sociedade e, mais particularmente, para a liberdade e enriquecimento individual. Toma como ponto de partida sua própria experiência […]

MARIO VARGAS LLOSA*

Ao ser agraciado pela Academia Sueca de Ciências com o Prêmio Nobel de Literatura no último dia 07 de outubro, o escritor Mario Vargas Llosa destacou a importância do hábito de ler para uma sociedade e, mais particularmente, para a liberdade e enriquecimento individual. Toma como ponto de partida sua própria experiência de vida. A seguir, a transcrição de um trecho de seu discurso em Estocolmo. Mais abaixo, link para a íntegra desse trecho do discurso.

Mario Vargas Llosa“Sem as ficções seríamos menos conscientes da importância da liberdade para que a vida seja suportável e do inferno em que ela se converte quando dominada por um tirano, uma ideologia ou uma religião.

Quem duvida que a literatura, além de nos levar ao sonho da beleza e da felicidade, nos alerta contra toda forma de opressão, pergunte por que todos os regimes empenhados em controlar a conduta dos cidadãos, do berço ao túmulo, a temem tanto a ponto de estabelecerem regras de censura para reprimi-la, e vigiam com tanta suspeita os escritores independentes. Fazem isso porque sabem o risco que correm ao deixarem que a imaginação flua pelos livros, como quão sediciosas se tornam as ficções quando o leitor compara a liberdade que as torna possíveis e que nelas se exerce, com o obscurantismo e o medo que o pressionam no mundo real.

Queiram ou não, saibam disso ou não, os criadores de fábulas, ao inventar histórias, propagam a insatisfação, mostrando que o mundo é mal feito, que a vida da fantasia é mais rica que a rotina cotidiana. Essa constatação cria raízes na sensibilidade e na consciência, torna os cidadãos mais difíceis de manipular, de aceitar as mentiras que querem fazer com que aceite, de que entre cassetetes, inquisidores e carcereiros vivem mais seguros e melhor.”

*PRÊMIO NOBEL DE LITERATURA. Trecho selecionado do discurso.

Link para o trecho na íntegra: http://www.youtube.com/watch?v=QTkPLzysklY&feature=related

 

Prêmio DSJ 2011VIII PRÊMIO DONALD STEWART JR.

“Liberdade de informação: o papel da mídia”

Concorrente, acompanhe o noticiário e consulte as sugestões de leitura no site do IL para enriquecer seu trabalho. [Tópicos de Reflexão]

Fique de olho!

América Latina é a região mais perigosa para jornalistas em 2010. Estadão.com.br / Internacional, 27.12.10.

Wikileaks, a pedra no sapato dos governos. Estadão.com.br / Infográficos, 02.12.10

Gostou do texto? Ajude o Instituto Liberal e Instituto Liberal no Patreon!