fbpx

Só com liberdade se vive de verdade

Liberdade, para Milton Friedman, significa ausência de coerção sobre um homem por parte de seus semelhantes. A ameaça fundamental à liberdade consiste no poder de coagir, esteja ele nas mãos de um monarca, de um ditador, de uma oligarquia ou de uma maioria momentânea.

Em uma sociedade em que todos os indivíduos tenham um grau alto de liberdade, sem nenhuma coerção de governo ou qualquer outro ente, podemos afirmar que todos buscarão maximizar seu bem-estar sem nenhum impedimento. Buscar a felicidade, pelo maior tempo possível, é o nosso principal propósito moral. Com todos mais livres, o mercado agirá de forma que haverá melhores preços, produtos e serviços para todos, o que significará uma melhor qualidade de vida.

A menor minoria é o indivíduo. A frase é de Ayn Rand, filósofa e enorme defensora da liberdade. É exatamente essa minoria que deve ter sua liberdade respeitada, de acordo com a filosofia objetivista e Ayn Rand, defendendo sempre seus interesses próprios e buscando o seu benefício.

O indivíduo sempre deve estar acima do coletivo. São ideias individuais que norteiam e criam novas perspectivas para a sociedade. Cada pessoa pensa de uma forma diferente, sendo assim, não pode ser tratada de forma igual ou ter seus direitos individuais retirados, em prol de algum bem comum. Desde que a vida, a liberdade e a propriedade privada do próximo sejam respeitadas, junto a seus direitos, a liberdade de alguém jamais deverá ser cerceada.

Só se é possível viver em sua plena forma quando se possui liberdade. Sem ela as pessoas apenas estão fazendo algo antinatural, para o qual somos coagidos e que não temos necessariamente interesse em executar. A liberdade é desejada, porque é através dela que se manifesta a oportunidade de realizar a maioria dos nossos objetivos.  Em uma sociedade totalitária, muitas vezes o trabalho, o alimento, a vestimenta e até o que é permitido de lazer são definidos pelo Estado. As vontades individuais nunca são plenamente respeitadas em sociedades não liberais.

O homem é livre, segundo Ludwig von Mises, quando ele pode escolher os fins e os meios que serão usados para atingir tais fins. Entretanto, para preservar essa própria liberdade, os indivíduos devem estar protegidos contra a tirania dos mais fortes ou espertos. Os poderes de escolha e de auto responsabilização pelos seus atos sempre devem estar presentes. Para se viver, de forma verdadeira, é preciso, primeiramente, ser livre.

*Caio Ferolla é membro do comitê de formação e associado do Instituto Líderes do Amanhã. 

Instituto Liberal

Instituto Liberal

O Instituto Liberal é uma instituição sem fins lucrativos voltada para a pesquisa, produção e divulgação de idéias, teorias e conceitos que revelam as vantagens de uma sociedade organizada com base em uma ordem liberal.