fbpx

A narrativa orçamentária progressista

Pense nas seguintes sentenças:

A- Um país pode imprimir muito dinheiro, pois gera a própria riqueza e não causa inflação.

B- Um país precisa arrecadar impostos para gerar caixa no seu orçamento.

C- O problema orçamentário de um país é o excesso de juros pagos aos rentistas.

Se A é verdade, então C deveria poder ser sanado em tempo recorde. Bastaria imprimir dinheiro para tal.

Se B é verdade, então A é mentira, pois ele geraria caixa apenas imprimindo o próprio dinheiro, sem necessidade de tirar algo de seu cidadão.

Porém, na narrativa orçamentária progressista, todas as três sentenças caminham juntas e aparecem conforme a necessidade do interlocutor.

Se o país precisa de investimentos, apele ao A.

Se os ricos estão no assunto, apele ao B.

Se o país está mal mesmo com altos impostos, apele ao C.

Neste meio tempo, você ainda consegue encontrar onde encaixar melhor a narrativa de que impressão monetária não causa inflação, falando com segurança, como se o real fosse uma moeda tão forte quanto o dólar, que detém 77% de suas moedas impressas no exterior.

* Artigo publicado originalmente na página Liberalismo Brazuca no Facebook.

Instituto Liberal

Instituto Liberal

O Instituto Liberal é uma instituição sem fins lucrativos voltada para a pesquisa, produção e divulgação de idéias, teorias e conceitos que revelam as vantagens de uma sociedade organizada com base em uma ordem liberal.