fbpx

As duas Coreias e o impacto da liberdade

Um dos maiores exemplos atuais de diferença entre uma sociedade livre, capitalista, e outra sem liberdade, socialista, está na Coreia. Em meio ao conflito da Guerra Fria, entre Estados Unidos e União das Repúblicas Socialistas Soviéticas, a Coreia, em 1948, foi dividida conforme os interesses geopolíticos das duas potências mundiais, fato que também ocorreu na Alemanha. Surgiam, assim, a Coreia do Norte, socialista, e a Coreia do Sul, capitalista.

A Coreia do Norte adotou o regime comunista, com um governo totalitário e opressor, desde sua separação até os dias de hoje. Isso gerou pobreza, estagnação e necessidade de ajuda humanitária de muitos países. Já a Coreia do Sul, cuja democracia e liberdades foram incentivadas, tornou-se o exato oposto, sendo hoje um país majoritariamente livre, rico, industrializado e ativamente participante da economia mundial. É importante ressaltar que a Coreia do Sul e a China são os dois maiores doadores de alimentos para a Coreia do Norte, que necessita dos mesmos para sua população não passar fome.

Ao compararmos a Coreia do Sul com a Coreia do Norte, podemos ver claramente o impacto do capitalismo e da liberdade. O IDH da Coreia do Sul é de 0,906 enquanto o da Coreia do Norte é de 0,733. O Índice de Democracia é de 8 na Coreia do Sul, enquanto é de apenas 1,08 na Coreia do Norte. Além do desenvolvimento da nação parar, claramente sua população acaba tendo muito menos liberdades, sejam elas de informação, lazer, trabalho ou de qualquer tipo de escolha com a ausência do capitalismo.

Se falarmos de trabalho, o salário médio na Coreia do Norte já chegou a ser de cerca de US$ 3,00 e lá são distribuídos cupons para que se consiga comprar comida. O salário médio na Coreia do Sul é mil vezes maior.

Enquanto na Coreia do Sul existem famosas montadoras e empresas de tecnologia, na Coreia do Norte é absolutamente impossível comprar um carro. Os veículos são distribuídos pelo governo apenas para recompensar o sucesso no trabalho ou para fins laborais. Consequentemente, todos usam bicicletas ou transporte público. Não há liberdade de escolha por lá.

Podemos afirmar, portanto, que ao se afastar do capitalismo e do liberalismo, sociedades são altamente punidas com o passar dos anos. Os índices mostrados acima das duas Coreias são um exemplo nítido, levando em conta que sua geografia, população e outros fatores são e sempre foram altamente similares. Devemos sempre nos lembrar desses exemplos históricos e atuais ao redor do mundo para a importância da liberdade e o quanto ela nos beneficia, junto com o sistema capitalista.

*Caio Ferolla Silva é diretor do Instituto Líderes do Amanhã. 

Instituto Liberal

Instituto Liberal

O Instituto Liberal é uma instituição sem fins lucrativos voltada para a pesquisa, produção e divulgação de idéias, teorias e conceitos que revelam as vantagens de uma sociedade organizada com base em uma ordem liberal.