Pra onde vai o nosso dinheiro?

JoaoSantana_Patinhas__revistaEpoca“Patinhas”, tio do Pato Donald e igualmente coordenador de importantes fontes de financiamento do PT, e a presidente Dilma se encontram aparentemente em um corner político e criminoso.

Não se afirma, aqui, que o termo “criminoso” se prende a questões de assassinatos ou assaltos a mão armada. É muito pior do que isto porque se trata de um assalto que atinge indistintamente a todos os brasileiros. São verdadeiros esquemas que abrangem empresas e pessoas influentes no País, infelizmente envolvidas com roubo de recursos públicos em grande escala.

João Santana, o marqueteiro oficial de governos de esquerda (de honestidade duvidosa), já gerenciou as campanhas de Lula (2006) e Dilma (duas vezes). Acho que vão ter, agora, que explicar de onde vem tanto dinheiro.

Santana já goza de uma reputação entre governos de esquerda na América do Sul. Isto não tem afetado negativamente seu patrimônio nem o de Mônica. Muito ao contrário, o patrimônio só tem crescido, embora os contratos não explicitem como o marqueteiro tem realizado seus ganhos.

“Os fatos criminosos se misturam, assim como os esquemas”, diz um dos principais responsáveis pela Lava Jato. “Há um grande quadro de corrupção sistêmica, liderado em parte pela Odebrecht, e que não se limitava à Petrobras ou mesmo ao Brasil. Uma mesma organização criminosa, com divisão de tarefas e cometimento rotineiro de crimes.” [Época, “Documento revela nova conexão entre João Santana e Odebrecht no exterior“]

O patrimônio do ex-presidente Lula era, até há pouco tempo, suportado por Bumlai. Um respeitável grupo de empresários já está pagando o custo sob a forma de perda de conceito. Eles (os grupos) são tão “sortudos” que já estão entrando no governo de Cuba. Verdade que quem vai acabar pagando as contas somos nós, cidadãos brasileiros.

[divide]

Leia também:  A Pauta Que Os Pariu

Imagem: “João Santana, o ‘Patinhas’ da política brasileira“, revista Época, 26/02/2016

Gostou do texto? Ajude o Instituto Liberal no Patreon!