Evento “Prismas da Liberdade”, com apoio do IL, abordou temas contemporâneos pela ótica liberal

O Instituto Liberal apoiou a organização de mais um evento em 2019, o fórum “Prismas da Liberdade”, realizado pelo grupo jovem liberal “Evolucionários” no campus da UFF de Gragoatá. O encontro também foi apoiado pelo Students For Liberty Brasil. É o segundo evento com participação do IL no ano, depois do lançamento do livro A Constituição contra o Brasil, no último mês de fevereiro.

Neste sábado (30), temas bastante objetivos, de aplicação prática e importância direta na realidade contemporânea do Brasil e da economia nacional e internacional, foram alvo de reflexões pelos palestrantes. A proposta foi aproximar a discussão das ideias liberais da realidade dos jovens e de seus interesses imediatos.

Leia também:  Como o desenvolvimento econômico proporcionou a riqueza das nações?

As palestras

O primeiro palestrante foi Matheus Costa, que introduziu o mundo das startups e aceleradoras e procurou introduzir ao público os conhecimentos básicos para se inserir nessa área. Em seguida, Vinicius Cordova desenvolveu uma explanação sobre as perspectivas para o futuro dos criptoativos, como o Bitcoin, que vêm sendo um dos temas prediletos entre os círculos liberais e libertários.

Pedro Wernec, criador do Instituto da Criança, abordou o tema do empreendedorismo social, uma questão a que o “Evolucionários” é bastante sensível. O professor Benedicto Patrão tratou da atualíssima questão do ativismo judicial, especialmente por parte do Supremo Tribunal Federal. Gabriel Nemer desenvolveu o tema urgente da Reforma da Previdência, drama relevante O evento terminou com a explanação de Carmen Migueles, do Partido Novo, que tratou do liberalismo na política e defendeu a importância de associar a interdependência entre as pessoas através da espontânea cooperatividade social.

Leia também:  Mercado, livre mercado e o papel do estado

Com venda de camisetas temáticas, o encontro promete servir de referência para novos eventos do gênero a serem organizados pelo grupo. O Instituto Liberal tem interesse em toda iniciativa que suscite a discussão aberta sobre as ideias da liberdade e compreende que elas devem ser uma força viva na trajetória daqueles que as abraçam.

Gostou do texto? Ajude o Instituto Liberal no Patreon!
Leia também:  Prisioneiros do passado