fbpx

A escolha dos Pais vale mais


NCPA* / LINDSEY BURKE**

Milton_Friedman_Portrait_UpdatedSchool Choice, a escolha de escola por parte dos pais com o dinheiro público destinado à Educação, é uma tendência nos EUA. A proposta do voucher – ou cheque-educação – para “pagar” a escola da preferência dos pais é, segundo seu criador, o Prêmio Nobel Milton Friedman, a forma de otimizar a qualidade do ensino para as famílias de baixa renda que se veem obrigadas a matricular seus filhos em escolas públicas. Com o voucher na mão dos pais, já não é mais a burocracia governamental quem determina o que é bom em termos de ensino: é o mercado. Nos EUA, os pais já entenderam isso, mas os sindicatos de professores fazem objeções. [N.E.]

Uma análise recente das atuais pesquisas sobre school choice conduzida pelo pesquisador Greg Forster revelou que a escolha da escola ajuda a todos os alunos – até mesmo os que permanecem nas escolas públicas.

Dos 12 estudos escolhidos aleatoriamente, 11 deles demonstraram que a escolha da escola melhorou os resultados dos alunos, e nenhum dos estudos mostrou um efeito negativo sobre os resultados dos alunos.

  • Além disso, dos 23 estudos realizados analisando o impacto da escolha da escola sobre os alunos que permanecem nas escolas públicas tradicionais, 22 deles mostraram que a escolha da escola melhora os resultados desses alunos também.

A pesquisa revelou essa melhora através de uma série de variáveis:

  • Índices de conclusão do ensino: um estudo do Programa DC Opportunity Scholarship (DCOSP) – que concede bolsas a estudantes de famílias de baixa renda para frequentar escolas privadas em Washington, D.C., – descobriu que o índice de conclusão do ensino dos estudantes do DCOSP aumentou em 21 pontos percentuais. O mesmo aconteceu com os alunos de um programa semelhante na cidade de Milwaukee – Milwaukee Parental Choice: aumentou de 4 a 7 pontos percentuais sua probabilidade de se formar e depois se matricular na faculdade.
  • Melhorias nas escolas públicas: quando os estados adotam programas de escolha permitindo que os estudantes frequentem escolas privadas, o que acontece com os resultados dos testes de alunos de escolas públicas que correm o risco de perder alunos? Um estudo do Programa de Bolsas de Crédito Tributário da Flórida descobriu que as notas dos alunos nessas escolas melhoraram em relação à pontuação dos alunos de escolas públicas menos afetadas pelo programa de bolsa de estudos. O programa de voucher de Milwaukee mostrou resultados semelhantes, por conta do aumento da concorrência.
  • Necessidades especiais: os programas de escolha oferecem um melhor acesso aos serviços para os estudantes que têm necessidades especiais. Um estudo de um programa de bolsa de estudos na Flórida que oferece vouchers de escolas particulares para alunos com deficiência evidenciou que os alunos que permaneceram no sistema público obtiveram aumentos estatisticamente significativos em suas notas, sugerindo que também aqui a concorrência pressionou as escolas públicas para atenderem melhor esses alunos.
  • Satisfação dos pais: os estudos confirmam repetidamente que os pais estão muito satisfeitos com os programas de escolha de escola. Por exemplo, mais de 70 por cento dos entrevistados no programa de conta-poupança para Educação do Arizona estavam “muito satisfeitos” com o ensino proporcionado a seus filhos.

Os formuladores de políticas públicas em Educação devem olhar para esta evidência empírica e se empenhar mais para dar aos alunos e aos pais o controle sobre o financiamento da educação.

* NATIONAL CENTER FOR POLICY ANALYSIS

** ESPECIALISTA EM EDUCAÇÃO DA HERITAGE FOUNDATION

Artigo na íntegra: Lindsey Burke, “The Value of Parental Choice in Education: A Look at the Research,” Heritage Foundation, March 18, 2014.

Tradução/adaptação LIGIA FILGUEIRAS

Fonte da imagem: Wikipedia

Ligia Filgueiras

Ligia Filgueiras

Jornalista, Bacharel em Publicidade e Propaganda (UFRJ). Colaboradora do IL desde 1991, atuando em fundraising, marketing, edição de newsletters, do primeiro site e primeiros blogs do IL. Tradutora do IL.