“Vem pra rua!”

marcha_15_de_marco_2015_SaoPaulo_G1

“A comunicação é o mordomo das crises. Em qualquer caos político, há sempre um que aponte ‘a culpa é da comunicação’. Desta vez, não há dúvidas de que a comunicação foi errada e errática. Mas a crise é maior do que isso.” (“Documento do Planalto admite “comunicação errática” e defende mais propaganda em SP“, Estadão)

As manifestações do último domingo em São Paulo, como de resto em todo o País, tornaram evidente que a oposição ao governo Rousseff deixou gabinetes e salões e veio pra rua. O sucesso do panelaço mostrou que eleitores com melhor grau de educação entenderam que é preciso mais do que “alma” contra o absurdo governo petista da Presidente.

É preciso dar-lhe corpo e foi exatamente o que o “panelaço”, especialmente o de São Paulo, tornou evidente. Para mostrar repúdio a uma presidente com numerosos auxiliares diretos ou indiretos (Petrobras, por exemplo) alvo de denúncias sérias e irrespondidas, é preciso fazer muito barulho.

O panelaço de São Paulo mostrou que Dilma tem novos e insuspeitados adversários, nomeadamente, a classe média baixa.

E vem pra rua você também!

[divide]

Leia também:  Adam Smith e o massacre de Suzano
imagem: G1 [15/03/2015, 22h20]; links atribuídos pela Editoria
Gostou do texto? Ajude o Instituto Liberal no Patreon!

Comentários

  1. Só falta sincronizar o coro: Impeachment! Impeachment! … Se a reunião do dia 12 for às 15:00 na Paulista; 16:30 pode ser um horário bom para que todos organizados bradem de forma retumbante. Já pensou, todos ao mesmo tempo gritando? Pois é… O pessoal da Globo News não conseguiria mais mentir…