fbpx

Por que se tornar um membro da OTAN?

Desde o fim da era soviética, os EUA demonstraram pouco interesse em aderir membros do leste europeu à OTAN. Todas as adesões e candidaturas partiram de livre iniciativa dos países do leste europeu com medo de dois grandes fantasmas.

Para os países a leste mais ao norte, o medo da retomada do imperialismo russo, tal qual está ocorrendo na Ucrânia.

Para os países balcânicos, o medo de o nacionalismo sérvio levar a uma tentativa de reconstituição da Iugoslávia. Inclusive, a Guerra da Bósnia é até hoje a única guerra em que a OTAN interferiu na história.

A Rússia, ainda nos tempos de URSS, é dona também de uma façanha militar única. O Pacto de Varsóvia é a única aliança militar da história em que os membros da aliança se agrediram. As entradas de tanques militares soviéticos na Tchecoslováquia e na Hungria são feitos únicos para a humanidade de como um país aliado agride e suprime a autodeterminação de uma nação independente aliada militarmente.

Enquanto a Sérvia hoje não demonstra ser uma ameaça militar, a Rússia nunca deixou de ser. O medo de supressão semelhante nunca abandonou os povos do leste da Europa.

A adesão à OTAN não se trata de nenhuma provocação à Rússia e sim um mero instinto de sobrevivência de seus antigos estados forçados a serem vassalos do imperialismo soviético por mais de cinco décadas.

*Artigo publicado originalmente na página Liberalismo Brazuca no Facebook.

Instituto Liberal

Instituto Liberal

O Instituto Liberal é uma instituição sem fins lucrativos voltada para a pesquisa, produção e divulgação de idéias, teorias e conceitos que revelam as vantagens de uma sociedade organizada com base em uma ordem liberal.