fbpx

Mentira Presidencial

Dilma_entrevista_JN_18_08_2014O Brasil se encontra agora (e quase sempre) com um déficit primário que desde seu primeiro mandato a presidente Rousseff tentou e tenta esconder.

É fácil entender as razões que levaram e levam Dilma a, verdadeiramente, falsificar o projeto orçamentário do próximo ano. Eficiência nunca foi característica sua. Sob sua incompetente regência, a economia brasileira já apresentou sucessivos resultados negativos, tal como agora está se passando.

Mágicas com números podem ser prestidigitações, porém credibilidade é sempre um fator de limitação para a mentira. Mentiras sucessivas acabam se contradizendo. Não é possível mentir sempre e tentar compatibilizar essas mentiras entre si por períodos de tempo maiores. O tal do “superávit” que tentou enfiar “goela abaixo” no Congresso não foi digerido.

A credibilidade e a popularidade de Dilma estão em queda livre. Ela poderia, no entanto, redimir-se pela renúncia. Alegaria, com justas razões, despreparo para a função. Ninguém contestaria esta verdade. Seria a primeira vez que Dilma Rousseff melhoraria sua imagem deteriorada de mentirosa compulsiva. Pode até mesmo melhorar a credibilidade do seu desgastado curriculum vitae.

 

[divide]

Veja também:

Com pedaladas, déficit pode chegar a R$ 100 bi

Ao falar de impeachment, Dilma diz que democracia no país é adolescente