fbpx

Fim do IRPJ: bom para todos

NCPA*

Imposto_de_Rendfa_Pitt's_income_taxQuase todo mundo é a favor do Imposto de Renda para as empresas. Se todos têm que pagar o IR, por que não as empresas? Um especialista fez as contas e viu o contrário: o fim do IR para as empresas pode ser bom para todos.

Em novo estudo para o Centro Nacional para Análise de Políticas Públicas, o Senior Fellow e Diretor do Centro de Análise Tributária Larry Kotlikoff explica como a abolição do imposto de renda de pessoa jurídica pode beneficiar todos os trabalhadores americanos.

Muitas pessoas podem não perceber que relativamente pouca receita é derivada do imposto de renda de pessoa jurídica. Em 2013, o imposto arrecadou 288 bilhões de dólares – apenas 1,8 por cento do produto interno bruto dos EUA. Ao mesmo tempo, o imposto é um fardo, incentivando as corporações americanas a operar no exterior e manter seus lucros no exterior, em vez de reinvesti-los nos Estados Unidos, onde enfrentam altos impostos.

As empresas deixariam de evitar os impostos americanos mudando-se para o exterior, explica Kotlikoff, se os Estados Unidos (que possuem a maior taxa de imposto de renda de pessoa jurídica de todos os países desenvolvidos) reformassem sua legislação fiscal. Usando um modelo econômico dinâmico, Kotlikoff foi capaz de analisar o impacto econômico de curto e longo prazo da mudança da carga tributária das empresas. Primeiro, ele analisou o efeito da abolição total do imposto de renda das empresas:

  • O capital social aumentaria entre 23 e 37 por cento.
  • Os salários reais aumentariam de 12 a 13 por cento.
  • O PIB dos Estados Unidos poderá aumentar de 8 a 10 por cento.

Os Estados Unidos ainda podem ter efeitos positivos numa redução de 35 a 9 por cento no imposto de renda das empresas e eliminar as brechas da legislação, impondo um pequeno imposto sobre o salário:

  • Tanto o salário dos trabalhadores de baixa qualificação quanto o dos altamente qualificados pode ter um aumento de 6 por cento no curto prazo e de 9 por cento a longo prazo.
  • O PIB terá um aumento de 6 por cento imediata e permanentemente.
  • O capital social aumentará 17 por cento no curto prazo, chegando a 30 por cento em 2040.

A maioria dos americanos vê o imposto de renda de pessoa jurídica como um imposto que afeta apenas as empresas, mas, em última instância, são os trabalhadores norte-americanos que carregam o fardo do imposto. O fim do imposto acaba com o incentivo para as empresas se mudarem do país e investirem no exterior, e os trabalhadores ganham também através de salários significativamente maiores.

* NATIONAL CENTER FOR POLICY ANALYSIS

[divide]

Artigo na íntegra: Laurence J. Kotlikoff, “Abolishing the Corporate Income Tax Could Be Good for Everyone,” National Center for Policy Analysis, August 5, 2014.

Fonte da imagem: Wikipédia

 

Ligia Filgueiras

Ligia Filgueiras

Jornalista, Bacharel em Publicidade e Propaganda (UFRJ). Colaboradora do IL desde 1991, atuando em fundraising, marketing, edição de newsletters, do primeiro site e primeiros blogs do IL. Tradutora do IL.

Um comentário em “Fim do IRPJ: bom para todos

  • Avatar
    06/08/2014 em 5:23 pm
    Permalink

    Temos algo mais importante pra lutar no momento. A drástica redução dos impostos indiretos.

Fechado para comentários.