fbpx

Ensino na UFRJ

UFRJ_Minerva_Oficial_Orientacao_HorizontalA UFRJ tem a fama de ser uma escola de primeiro nível. Certamente é isto que estimula o grande número de candidatos originários de outros estados. Ocorre que o projeto universitário é um projeto de formação de profissionais em diferentes áreas do conhecimento e não, uma entidade assistencialista.

Ela, universidade, deve prover conhecimento especializado a seus cursandos e não, necessariamente, abrigá-los e alimentá-los. A reclamação de estudantes da UFRJ de que faltam alojamentos e/ou alimentação parte do princípio de que caberia ao Estado provê-los, o que é um equívoco. Ainda que parte da população estudantil da UFRJ esteja alojada em dependências da universidade, é um equívoco pensar que a universidade pode suportar este ônus. Para que isto fosse possível, seria necessário que, além dos subsídios para o ensino, houvesse outros para alimentá-los e hospedá-los.

É preciso que o Estado decida entre aumentar o número de vagas universitárias e bancar o custo da assistência ao universitário, já que ensinar é uma coisa e manter é outra completamente diferente.

[divide]

Saiba mais:

Com ocupação estudantil na reitoria, UFRJ aprova pacote de assistência estudantil

links atribuídos pela Editoria; imagem: Wikipédia