fbpx

O liberalismo e o tempo

Cinquenta anos de (relativo) liberalismo transformaram a Coreia do Sul num player internacional e numa sociedade próspera.

Cinquenta anos de (total) comunismo transformaram Cuba e Coreia do Norte em fazendas de humanos escravos.

Vinte e cinco anos de (relativo) liberalismo transformaram o Chile na economia e sociedade mais prósperas e promissoras do continente.

Quinze anos de bolivarianismo tornaram a Venezuela uma enorme favela sem papel higiênico.

Oito anos de (migalhas de) “neoliberalismo” (sic) acabaram com a hiperinflação brasileira e nos transformaram, até o petismo destruir tudo, em quinta economia mundial.

Cinquenta anos de peronismo transformaram a Argentina numa milionésima fração do que um dia foi o país mais rico do mundo.

Trinta anos de (muito pouco) liberalismo fizeram da China a segunda economia mundial.

Vinte e cinco anos de liberalismo permitem à Austrália não ter crise alguma e crescer quase ininterruptamente.

Somente os tolos aceitam o socialismo, em qualquer grau, como solução.

Roberto Ellery

Roberto Ellery

Roberto Ellery, professor de Economia da Universidade de Brasília (UnB), participa de debate sobre as formas de alterar o atual quadro de baixa taxa de investimento agregado no país e os efeitos em longo prazo das políticas de investimento.